quarta-feira, 7 de março de 2012

Eumicela - III Carta (Parte II)

- Você existe?
- Sim, eu moro contigo.
- Quando eu morrer, nós dois vamos para o inferno.
- Você fala do inferno, mas gostaria de ir para o céu, certo?
- Eumicela, boa noite...
- Não pense que você está louco; você não está. Coloque aquela canção e faça o que é preciso fazer. Não fale para mim. Fale para quem é verdadeiramente importante. Depois deite e durma. Nós precisamos descansar.
- Certo. You Never Give me Your Money...
- ...Today.
- Quando tivermos 60 anos, iremos ouvir músicas de um século atrás.
- Se chegarmos aos 60.
- Pessimista
- Não haverá mais água, morreremos secos. Já disse para você enterrar garrafas com água.
- Vou fazer o telefonema.
- Certo. Eu quero ouvir a voz dela.
- Eu também.

Nenhum comentário: