sábado, 1 de janeiro de 2011

Diálogo


Ela sempre vem quando é agora
Analisa as opções tão bem
Joga as conclusões para fora
Diz que nunca mais vem

Me contou algo íntimo
Na semana passada
Eu que julguei ínfimo
Disse que não era nada

Anotei o preciso no papel
Guardei debaixo do copo
Devolvi o anel
E voltei para o meu ócio

Nenhum comentário: