sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Pelo Perdão


Acabei de pagar os meus pecados.
O homem disse que estaria perdoado
Se eu desse umas notas e centavos.
Não sabia que a túnica custava uns trocados
Se soubesse, já teria comprado.

Mas é vivendo e aprendendo.
O homem disse que todos os sábados
Eu terei, garantido, o meu acento.
Basta eu deixar o cheque assinado
Que terei o melhor lugar reservado.

Arrependo-me de ser ateu.
Serei um homem generoso
Por que se é vontade de Deus
Não sai caro por a mão no bolso.

Nenhum comentário: